Chuck é a série de ação que todos deveriam assistir!

Sempre que falamos em séries de ação, logo vem a mente as supremas Banshee e Spartacus. Porém, ao assistir Chuck, percebi que ela é de fato a série de ação ideal para todos assistirem.

 

A premissa da série é basicamente à seguinte:

Chuck Bartowski é um especialista em computação que trabalha com seu melhor amigo, Morgan Grimes, em uma loja de eletrônicos. Chuck é um nerd viciado em jogos de computador que não consegue ter uma namorada sequer, apesar da ajuda de sua irmã, a doutora Ellie Bartowski. No seu aniversário recebe um email de um dos seus ex-colegas da faculdade – agora agente da CIA – que lhe mostra uma série de imagens que ele imagina ser de pouca importância. O que ele não sabe é que descarregou em sua mente uma base de dados com informações confidenciais do Governo. Esses dados são ativados em seu cérebro com singulares detonadores que lhe mostra imagens rápidas. Imagens estas que ele precisa aprender a controlar para decodificar.


Chuck sempre teve uma fanbase muito forte, inclusive aqui no Brasil.

Um dos porquês disso é que a série passou na SBT por muito tempo e sempre foi uma série muito fácil de digerir. É como eu digo, um exemplo de como uma série de ação e até romance (por quê não!?), deve ser.

E se você ainda não assistiu a essa série que é um marco da tv aberta americana de meados da década passada, venha ler alguns motivos para ir correndo corrigir este erro!

Chuck é uma série honesta acima de tudo e é isso que a torna tão boa.

Chuck consegue nos entregar em todos episódios tramas procedurais -no fim, todas são pela mesma causa-, fato que deixa a série sempre com episódios movimentados, tendo muita ação das boas e com uma mescla que é uma das partes favoritas dos fãs, o romance entre Sarah (Yvonne Strahovski) e Chuck (Zachary Levi).

Sinceramente é um dos casais mais bem construídos que já vi em séries. São os momentos em que a Yvonne Strahovski e Zachary Levi brilham em sua atuação, mostrando todo seu carisma e versatilidade.

Outro ponto interessante, é o personagem do Adam Baldwin, o John Casey. Ele faz o equilíbrio entre o casal e nos proporciona com as melhores cenas de ação da série e um humor sutil, que deveria servir muito de exemplo à galera da Buy More.

Claro que nem tudo é ótimo em Chuck.

A série sofre alguns problemas como diálogos expositivos – algo totalmente compressivo e comum para uma série de TV aberta, e tem um ritmo acelerado demais em alguns tramas e acaba causando uns certos deus ex-machina

Outro probleminha que Chuck carrega é toda a trama da Buy More, a loja em que Chuck trabalha e seus companheiros Morgan (Joshua Gomez), Lester (Vik Sahay), Jeff (Scott Krinsky) e Anna (Julia Ling). Foge muito do tom imposto com as missões do trio Chuck, Sarah e Casey, é demasiado engraçadinho e desinteressante.

Mas apesar de tudo isso, Chuck é um série que sabe entreter como poucas

Chuck estreou em 2007 no Canal do Pavão e teve 91 episódios distribuído em 5 temporadas e infelizmente não está disponível em nenhum serviço de streaming no Brasil.

Vamos falar de coisa boa?

O site Nerd Rabugento é independente e não depende de patrocinadores para existir. E toda contribuição que você fizer será muito bem vinda, seja com o valor que for. Com apenas um real você já ajuda e mantêm o site independente.

A independência do conteúdo do Nerd Rabugento depende de você. O seu apoio pode ser tanto mensal quanto feito apenas uma vez, com qualquer valor. Escolha um dos links abaixo e faça o site Nerd Rabugento crescer ainda mais rápido!

QUERO APOIAR ➜     QUERO CONTRIBUIR ➜